domingo, 14 de agosto de 2011

Rolê bandido

Duas traquitanas acelerando em sexta-feira de lua cheia
Vento teimoso entra pelas frestas do capacete
Manto de estrelas azul adentro
Acostamento do acostamento, café quente e motores estalando
Na volta, basta um solzinho de inverno a refletir na poeira dos cromados

Making-off
Em contas mal feitas: 3 sextas de lua cheia, otimizando os recursos + 4 sábados = 7 chances para fazer um rolê bandido ainda neste ano.
Aê marvado, já perdemos o solzinho de inverno

A foto, (pena, que não é minha) educadamente surrupiei na internet dum moço que chama Sergio Amorim